Posicionamento de marca em tempos de conflicto

O último dia não ficou indiferente a ninguém e a verdade é que é necessário que as marcas tenham cuidado na sua forma de

O último dia não ficou indiferente a ninguém e a verdade é que é necessário que as marcas tenham cuidado na sua forma de estar em relação ao conflito entre a Ucrânia e a Rússia. É imperioso ter sensibilidade e fazer da empatia prioridade.

No que toca ao posicionamento, mesmo que o público-alvo da sua marca não esteja na Ucrânia, na Rússia (ou mesmo na região do leste Europeu) é expectável que tenha que fazer alguns ajustes na sua comunicação:

  • Privilege a comunicação institucional, em vez de produto;
  • Se for necessário, ajuste o copy ou call to action de algumas campanhas que tenha no ar;
  • Se não tiver nada de relevante a dizer, não diga nada porque pode correr o risco de comunicar algo e não lhe interessar manter a conversa sobre um tema sensível;
  • Promova conteúdo de outros perfis ou marcas que lhe pareçam relevantes se estiver, de alguma forma, relacionado com a sua actividade;

Recolhemos alguns exemplos de perfils – pessoais, de instituições e de marcas que se manifestaram em relação ao conflito militar na Europa:

Facebook
Twitter
LinkedIn
Pinterest

Publicidade

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Log In

Forgot password?

Forgot password?

Enter your account data and we will send you a link to reset your password.

Your password reset link appears to be invalid or expired.

Log in

Privacy Policy

To use social login you have to agree with the storage and handling of your data by this website. %privacy_policy%

Add to Collection

No Collections

Here you'll find all collections you've created before.

pt_PTPortuguese
Close